10 setembro 2007

Separados na maternidade XI



É claro que não é a semelhança física que os une, mas sim suas atitudes.

A história do primeiro, que é conhecido por Rosinery Fogueteira, todo mundo já conhece.

A segunda, para quem não sabe é a própria 'Rosinery Fogueteira'.

Ela foi achada pelo site GloboEsporte.com, aparecendo na página principal do portal esportivo.

Em menos de uma hora centenas de recados foram deixados em sua página pessoal do Orkut. A maioria destes pediam para ela tocar um rojão no Galvão Bueno.

Depois de dezoito anos do ocorrido no Maracanã, a ex-celebridade não atua mais no ramo de foguetes, sinalizadores e rojões.

Entretanto a mesma deixou um discípulo que ronda o Estado de Santa Catarina praticando atentados.

Os mais novos que não sabem quem é Rosinery Fogueteira (a segunda) CLIQUE AQUI. Tem a história dela, inclusive com o vídeo da reportagem na época.

Esse post teve contruibuição de Benê Farias.

3 comentários:

felipe (semblante) disse...

Não sei se eu que não entendi ou foi sem graça mesmo.

Abraços.

grilo disse...

parabéns a equipe de reportagem do DC qu constantemente busca novos horizontes para abrilhantar este blog.

gostaria de pedir encarecidamente que colocassem um novo post unico e exclusivo falando sobre a segunda leva das camisetas. estipulando prazos e valores.

desde já agradeço.shalom

léo disse...

bem lembrado grilo.. alguns colegas de faculdade e companheiros de nights florianopolitanas ficaram um tanto quanto ´encantados´ com a camiseta..
abraços!